domingo, 24 de maio de 2009

O tempo é protagonista…


Apesar de ser interiormente sentido/vivido, o tempo configura, normalmente, uma realidade abstracta, não tangível.

“Fiz esta ilustração de uma galinha-de-água há muito tempo atrás e decidi repescá-la porque hoje vimos três destas aves no parque da cidade, ao pé do rio.”
Confesso que desde que li este post da minha amiga Ana no seu blog (//pequeteartjournal.blogspot.com/search/label/wildlife) que andava com vontade de passar por lá.
E não é que já “ando nestas vontades” desde Fevereiro….


Numa linguagem silenciosa, hoje, confrontei-me com a sua dimensão temporal.

2 comentários:

Pequete disse...

Fico contente por ter inspirado o passeio - e pelos vistos valeu a pena, pois a foto está excelente! Valentes bichos estes, que sobrevivem às fúrias camarárias de "limpeza" do leito - pobre rio...

Pintas disse...

Adorei a ilustração da galinha de água....
Tão pertinho de nós.....