quinta-feira, 24 de abril de 2008

A ilusão do momento


Sentir uma emoção é coisa simples.
E parece estranho, por certo, que o meio através do qual conhecemos um sentimento seja um outro sentimento.
Deixo agora que a mente vagueie. A selecção é inconsciente.
Sozinho em atitude de meditação.

Fico preso à imagem. Guiado por um objectivo e por uma esperança.
A figura, simultaneamente vazia e expressiva.
A cena é, pois interminável, como a linguagem.

Mas não quero apenas palavras, desejo também gestos.

10 comentários:

isabel mendes ferreira disse...

belo.











beijo.

Um Momento disse...

Sentindo cada palavra...
Num gesto sincero te abraço...

Deixo um beijo...no teu coração

(*)

un dress disse...

nunca as palavras

preencheram gestos:

gestos são o silêncio

sem medo

com mãos e pés

dentro





beijO

Manuela Viola disse...

Não sei se sentir emoções é coisa simples. Não há quem nunca as sinta?
Pessoalmente gosto de as sentir. Fazem-me sentir viva.
Bjo.

São disse...

Gostei da foto e do texto.

Mas. desculpe, emoção é uma coisa e sentimento outra!

Fique bem.

ivone disse...

como se no gesto de quem quer partir deixando para trás das costas o gesto de quem quer ficar

como se o estar se movesse de um só gesto

o querer

Maria Laura disse...

As emoções conduzem-nos a sentimentos... ou à negação deles. Gestos, decerto. Porque são mais concretos que as palavras ou as emoções.

Gi disse...

passei para ver se o período de descanso já tinha passado. pelos vistos sim,

muito belo o que aqui deixas

se bem que ache que as emoções

podem não ser tão simples assim

e quando há um misto de emoções

então ainda menos :)

Um Momento disse...

Passo...
Deixo cair um beijo...

(*)

vermella disse...

sigo presa na imáxen que deixas,esperando que as túas palabras señan xesticuladas...
beijo e feliz descanso.