quinta-feira, 27 de março de 2008

O nome da máscara…


Máscara – ETN. Artefacto que representa a face ou parte dela, usado para cobrir o rosto e disfarçar a pessoa que o põe. Desempenha papel importante nas festas, cerimónias carnavalescas e espectáculos, e em muitas outras manifestações da vida social, entre os povos incultos e semicivilizados (religião, guerra, justiça).
In Verbo Enciclopédia Luso-Brasileira de Cultura

Bem, acerca deste significado/definição nada tenho a apontar.


A questão fica resolvida? De modo nenhum!
O que pensar quando a da imagem é a de um insecto?

9 comentários:

un dress disse...

parece a cara.do.leite.creme...:)

vermella disse...

esta foto é impresionante,unha metáfora de levar a máscara as costas.......
a natureza é a cousa máis sorprendente do mundo...
beijo.

Manuela Viola disse...

Tal como diz o povo: as aparências, iludem.
A propósito de máscaras, visitei o Museu onde estão muitas máscaras da região, em Bragança.
Gostei muito
Bjo

Paredes Cardoso disse...

Alexandre,
Gostaria de dizer algo
sem ser redudante ou adjectivado...
e eu lá consigo...
Fabuloso, parabéns pelo post!
Abraço-o

Maria Laura disse...

De alguma forma, a máscara lhe servirá para se adaptar, para se defender. Não é para isso que servem as nossas?

isabel mendes ferreira disse...

a realidade sempre foi e será mais fantástica do que q.q. ficção...:)


excelente a máscara!

________________.


beijo.

barb michelen disse...

Hello I just entered before I have to leave to the airport, it's been very nice to meet you, if you want here is the site I told you about where I type some stuff and make good money (I work from home): here it is

Um Momento disse...

Realmente ...nem tudo o que parece é...
Fantástica esta imagem em que faz lembrar aquelas máscaras indigenas ...até mesmo de "totens"...
Estou deslumbrada pois jamais havia visto uma "máscara" assim

Amei!

Deixo um beijo com votos de uma excelente semana

(*)

Gi disse...

Que dizer?

... que a arte imita a natureza , parece-me adequado :)

Um beijinho Alexandre (parecem as máscaras dos caretos)