terça-feira, 21 de agosto de 2007

A passagem do tempo


Em busca permanente. Será verdade?

O ser humano disseca a coisa e revela o seu interior.

Os caminhos, muitas vezes, parecem novos, talvez sem, no fundo, o serem.
Isto corresponde à interiorização visível.

Afinal, tudo é passageiro, e o que ficou de tempos antigos, o que fica da vida é o espiritual.

E apesar disso!....Temos de nos sentir interiormente satisfeitos.

4 comentários:

De Amor e de Terra disse...

Olá Alexandre, boa tarde!
Eu não diria "apesar disso", mas sim "por isso mesmo"...
Muito belo este post Amigo; e assim se caminha!!!


Abraço

Maria Mamede

alexandrecastro disse...

olá mm. sim,concordo, é de todo interessante a alteração. beijinho e obrigado pela amizade!

Carminda Pinho disse...

É verdade que tudo na vida é passageiro. Alguns há que assim não pensam pois se pensassem não teriam certos comportamentos, creio eu.
Temos de nos sentir satisfeitos...e sentimos.
Beijinho

belakbrilha disse...

Uma postagem que nos leva a reflectir...
tudo é passageiro?
???
Que nós estamos numa busca constante, disso eu tenho a certeza!

Muitas dúvidas!!!

Belo post!...também gostei de passar aqui, obrigada pela visita, lá no bela

Até breve