terça-feira, 13 de fevereiro de 2007

O outro olhar


Segredos

Coisa que não se deve dizer ou não deve ser do conhecimento de outrem; discrição; coisa oculta; mistério; esconderijo; o íntimo; o âmago…

A procura da beleza, no seio desta natureza irrequieta, na sua natureza agressiva, leva-me a olhar para memórias do passado. Só por histórias, se cruzam outras histórias.
Recorro ao diálogo visual e à concepção para questionar a nossa presença neste mundo de linguagens perceptíveis.
São as emoções que estão no cerne destes pensamentos!

As aldeias são como as pessoas, aproximamo-nos delas lentamente, um passo de cada vez.
José Saramago, Viagem a Portugal

Sem comentários: